English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
Links Brasil Net

Tudo sobre as obras de J.R.R.Tolkien!

...pedo mellon a minno...


Arquivo do blog

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Alguns trechos da versão extendida

AS DUAS TORRES
(I parte)


       A descida de Frodo e Sam do penhasco, em certo momento Sam se desequilibra e deixa cair uma caixinha, com o melhor sal do Condado (Sam comenta após descer que é o melhor condimento para preparar algum frango assado e Frodo acha graça deste pensamento, termina dizendo que é importante, pois é um pedacinho de casa), Frodo tenta pegá-la e cai, mas percebe que já estava próximo ao chão, depois de Sam terminar a descida e os dois estarem salvos, Frodo teme deixar a corda élfica naquele lugar para outros descerem pelo mesmo lugar, Sam não entende a preocupação de seu amigo, e garante que o nó dado por ele não sairá com facilidade, mas ao puxar a corda ela começa a se desatar e cai os seus pés, e Frodo comenta sorrindo que está é realmente uma “verdadeira corda élfica”.

Quando os Orcs aparecem pela primeira vez, fugindo em direção a Isengard com os hobbits como reféns, no caminho aparece outra espécie de orcs, mais inferiores, os orcs-maggots, eles param na estrada e iniciam uma conversa entre eles, diferente da versão normal onde eles quase não aparecem conversando, a versão estendida é possível entender e conhecer mais sobre sua personalidade e sua hierarquia, os orcs na estrada requerem os prisioneiros que seus companheiros levam, mas estes possuem um líder, que garante ele mesmo levar até Saruman os hobbits, eles discutem entre si e no mesmo momento Pippin vê seu amigo passando mal e pede um pouco de água para ajuda-lo, a orc líder manda um subordinado dar o líquido avermelhado que eles tomam e dá risadas quando vê o pequeno hobbit se afogando no líquido, Pippin pede para pararem com a maldade e o orc discute com ele dizendo para manter a boca fechada, após isso eles farejam odor de homens e correm novamente para fugir.
    Éomer encontra o filho do Rei de Gondor em um vilarejo perto de um riacho, caído ao chão quase morto, e o leva até o palácio dourado.

     Logo após Aragorn, Gimli e  Legolas encontrarem Gandalf, eles seguem em direção à borda da floresta de Fangorn para regressarem aos seus cavalos, neste trecho há um breve diálogo entre eles, onde Gandalf fala dos problemas no qual Rohan vem passando, onde seu rei está em más condições, fala da necessidade de irem até lá ajuda-lo, Gimli então fala inconformado que eles vieram até ali em uma jornada sem propósito, pois estavam deixando seus amigos Hobbits para trás, naquela floresta sombria, neste momento eles ouvem os sons das árvores respondendo a sua ofensa e Gimli assustado pede desculpa, dizendo “Floresta encantadora”. Gandalf então, explica a todos que seus companheiros do Condado não chegaram até ali por acaso, que um grande poder estava para despertar, Aragorn acha graça da frase de seu amigo, pois acredita que em uma coisa ele não mudou, continua falando em metáforas.

Um comentário:

  1. Obras,fantásticas e que fazem qualquer escritor tomar um lição de literatura!

    E talvez as melhores adaptações pro cinema que já vi! Não sou fã absorto, mas durante anos viajei e quis morar em locais descritos, tais como no livro.

    =)

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget