English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
Links Brasil Net

Tudo sobre as obras de J.R.R.Tolkien!

...pedo mellon a minno...


Arquivo do blog

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Alguns trechos da versão estendida

A Sociedade do Anel
(terceira parte)

Um pouco antes de avistarem as muralhas de Minas Moria, Gandalf chama Frodo para andarem mais afrente da comitiva, e lhe pergunta sobre o Um Anel, fala sobre o temor que começa a sentir, a desconfiança cresce em seu coração, pois acredita que a Sociedade do Anel esteja se corrompendo e também Frodo não possa mais confiar em seus companheiros, precisa acreditar nele e no que seu coração diz. Na sequência Gimli chama atenção à comitiva para as muralhas de Moria e chegam enfim ao portão secreto da mina dos anões.


Ao entrar em Moria a comitiva encontra as profundas escavações de Mithril, feitas pelos anões há muitos anos e que são mais valiosas que qualquer tesouro acumulado por eles, Gandalf conta aos seus companheiros que Bilbo ganhou uma malha de Mithril de Thorin, um verdadeiro presente real, e que Bilbo não fazia ideia de seu valor, pois valia mais que o próprio Condado, eles vislumbraram a brilhante caverna e suas profundezas e seguiram seu caminho em direção à ponte de Khazad-dûm.



Pouco depois dos elfos da floresta de Lothlórien encontrarem a comitiva, seus vigias os levam as altas árvores da floresta onde montam guarda contra os inimigos, lá eles decidiram se a comitiva poderá passar pela floresta, está cena na versão estendida contém no livro mais detalhada, é Aragorn que conversa com Haldir de Lórien, em élfico, o elfo teme sua passagem e sabe do perigo que carregam com eles, mas os deixa passar, levando-os ao interior da floresta, onde avistam uma clareira, a sua frente está Caras Galadhon, o coração de Elvendom na terra, lar da Senhora da luz, Galadriel e reino do Senhor Celeborn, todos ficam hipnotizados com a beleza da cidade floresta e a sequência da cena os mostra subindo pelas escadas iluminadas seguidos dos elfos e seus companheiros.

Ainda em Lothlórien, os elfos fazem uma elegia em homenagem a Gandalf, uma cena pequena, onde uma suave canção é ouvida pela comitiva, apenas Lelogas entende o que fala a letra, e Sam tenta formar uma canção a respeito dos fogos de artifício que Gandalf tão bem manuseava.

estrofe 1 - Quenya
A Olórin i yáresse
Mentaner i Númeherui
Tírien i Rómenóri,
Maiaron i oiosaila
Manan elye etevanne
Nórie i malanelye?

estrofes 2 e 3 - Sindarin
Mithrandir, Mithrandir! A Randir Vithren!
Ú-reniathach i amar galen
I reniad lín ne môr, nuithannen

In gwidh ristennin, i fae narchannen
I Lach Anor ed ardhon gwannen
Calad veleg, ethuiannen.

-Sindarin
In gwidh ristennin,
i fae narchannen
I Lach Anor ed ardhon gwannen

Mithrandir, Mithrandir! A Randir Vithren!
Ú-reniathach i amar galen
I reniad lín ne môr, nuithannen

refrão - Quenya
Ilfirin nairelma nauva i nauva
Ilfirin nairelma ar ullume nucuvalme
Nauva i nauva melme nóren sina nairelma

TRADUÇÃO
“Olórin quem, há muito tempo
[foi] enviado pelos Senhores do Oeste
para guardar as Terras do Leste,
O mais sábio dos Maiar
O que o levou a deixar
A terra que amava?

Mithrandir, Mithrandir, ó Peregrino Cinzento
Não mais irá vagar pelo mundo verdejante
Sua jornada terminou em escuridão

Os laços cortados, o espírito partido
A Chama de Anor deixou este Mundo
Grande luz se foi.

Laços cortados,
O espírito partido
A Chama de Anor deixou este Mundo

Mithrandir, Mithrandir, ó Peregrino Cinzento
Não mais irá vagar pelo mundo verdejante
Sua jornada terminou em escuridão

Eterno é nosso lamento, o que tiver que ser será
Eterno é nosso lamento e mesmo assim lançaremos tudo fora,
O que tiver que ser será, amor por esta terá é nosso lamento.”

   Antes da partida, ainda em Lothlórien, a comitiva é vestida com roupas élficas, e todos ganham presentes de Galadriel, a cena completa mostra primeiramente Legolas presenteado com um arco de Galadriel, Merry e Pippin ganham adagas do povo Noldorin, Sam ganha uma corda fabricada pelos elfos, Gimli se recusa a pedir algo, pois acredita que somente em ver a beleza de Lady Galadriel já é um presente, mas ao final ele pede uma mecha de seu lindo cabelo loiro, ao ver Aragorn a rainha da floresta de Lórien diz que ele já possui um presente maior do que ela possa presenteá-lo, um colar com pingente dado por Arwen, e por último Frodo ganha a luz de Elendil.

Celeborn fala as margens do rio com Aragorn, sobre o perigo de sua viagem, antes de partirem de Lothlórien, eles estariam sendo seguidos e precisavam ter muito cuidado dali em diante, o grande rei orienta-o a seguir pelas Quedas de Rauros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget